quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Poesia da Poetisa Bia Almeida Bia


DEIXA EU TE AMAR! Apenas poesia.....



Eu te quero cada vez mais
Eu te juro meu amor é real.
O que eu sinto por você é muito normal.
Atravessa qualquer distância... Consigo te ver, sentir, tocar...
É tão lindo o que me passas que quero sempre te amar.
Assim que bati o olho no grupo, só consegui te enxergar,
E daquele momento em diante só você é meu pensar...
Foi tudo bem de mansinho, o coração bateu forte, eu quando vi
Perdi o norte passamos a ser um só!
Estava triste eu sentia, na alegria eu sorria, no amor eu existia,
Passei a morar em você.
Tomou-me de um jeito louco, que tentei me desligar, mas foi
Mais forte que nós, poemas eu fiz pra você...
Virei musa em sua vida, você se tornou a inspiração.
A única coisa que digo, não é loucura, é PAIXÃO
UM AMOR, CUMPLICIDADE, uma grande atração.
Quero-te aos poucos, mas é de um jeito louco, profundo, uma comunhão de almas, de juras em prosas, poesias, cuidados, desejo... andei conversando com DEUS, tentando entender o que ele dedilhou, pelas linhas desta vida, olhei para o céu e orei, agora sim eu sei que sou tua , tu és meu!

Um comentário:

  1. Grata pela distinção, uma honra estar entre poesias e poetas. Bia.

    ResponderExcluir